Início | Versos | Prosas | Músicas | Sobre Mim


Árvore Generosa

Árvore generosa, árvore generosa,
que faço eu agora da minha vida?
Descobriste tu acaso uma saída?
Assim como abriste mão de ser frondosa,
eu já dei todo o ouro que eu tinha,
mas ele ainda quer mais dessa mina.
O que faço para que a tua sina
não seja no fim também a minha?


(Júlio B.)